Categorias: Cachorros

Canicross em Indaial

No evento de corrida de obstáculos que aconteceu no Parque Ribeirão das Pedras, tivemos uma nova categoria este ano: o canicross. O canicross surgiu na Inglaterra no ano 2000. O objetivo era treinar os cães que puxavam trenós, então numa etapa inicial, para se acostumar com os equipamentos. Eles simplesmente colocavam o peitoral e as trelas eram ligadas numa pessoa, ao invés do trenó. No entanto muitos perceberam isso como uma nova forma de esporte, já que podiam praticar durante todo o ano, e não apenas no inverno, qualquer cão poderia participar e o cão não precisava ter grandes treinamentos de obediência, por que a idéia era simples: correr com o cão em terrenos íngremes. Daí surgiu o canicross, com a união da palavra cani = cão e o esporte cross country.

Na Europa já é um esporte consagrado. As regras já foram definidas pelo The Kennel Club (clube de criadores de cães inglês), também pela Federação Cinológica Internacional, mas no Brasil ainda engatinha. Talvez o Rio Grande do Sul é onde o esporte está mais organizado, já buscam se reunir em associação e também este ano iniciaram a 1. Copa Gaúcha de Canicross. O interessante é que já em dezembro de 2010 o programa dominical Esporte Espetacular da Rede Globo promovia a primeira prova de canicross do Brasil com participantes “globais”, e quem comandava a competição era a apresentadora Glenda Kozlowski. E nem assim o esporte deslanchou.

Bom, aqui no Parque Ribeirão das Pedras também o número de inscritos foi pequeno, claro que também participei, eu e a Olívia. Espero que tenha tido mais de 10 inscritos, por que cheguei na oitava colocação (talvez nona?). Foi uma prova simples com trajeto de 3 km entre trilhas no mato e subidas de morros. O calor das onze horas da manhã foi um obstáculo a mais. Fiz a prova em 25 minutos, a Olívia se não tivesse comigo teria feito em bem menos. Tomara que tenham próximas etapas por que muita gente ficou entusiasmada com esta primeira prova.

Ah quanto a foto? Logo que cheguei o pódio estava vazio e aproveitei o momento para fazer a foto.